Notícias de 2008

Sessão de vídeo
20 de dezembro de 2008

A última sessão do ano foi mais calminha: a bicharada do filme “Madagascar” repetiu o sucesso costumeiro com a criançada. (M.M.)

Festa de Natal
13 de dezembro de 2008

A gincana infantil, realizada na quadra da EMEI Paraisópolis, envolveu cerca de 200 crianças e foi liderada pelo grupo de escoteiros Duque de Caxias, repetindo a tradição desde 2005. Cabo de guerra com corda de 4 pontas não foi moleza não. Mas as equipes não esmoreceram nem diante do desafio da corrida de revezamento para transporte de água usando copos… Furados! Pelo quarto ano consecutivo, a empresa LG doou cestas básicas e cestas de Natal à comunidade de Paraisópolis; desta vez foram beneficiárias 1000 famílias da região, cadastradas junto à Casa da Amizade. Além da maioria de moradores do Grotão; garis comunitários, grupo de idosos e algumas familias do Programa Paraisópolis Sem Fome também receberam as cestas. Na ocasião foram distribuídos para as crianças destas familias mais de 1400 brinquedos comprados com os esforços de muitos voluntários. E o Papai Noel Wagner, elogiado pela perda de muitos quilinhos em fase pré-matrimonial, nem chegou a ser reconhecido pela criançada! (M.M.)

Oficina infantil “Chegou o Natal”
06 de dezembro de 2008

Reunião de Pais e Mestres do Reforço Escolar (2o semestre 2008)
29 de novembro de 2008

Mais de 60 pais e mães de crianças do reforço escolar participaram da reunião junto com as educadoras Ana Paula e Valderez, a coordenadora pedagógica Sol e a coordenadora geral Mônica. Houve oportunidade de ouvir vários relatos das mães, inclusive alguns comentários positivos feitos por professoras do ensino regular a respeito da melhora do desempenho acadêmico destas crianças. (M.M.)

Oficina infantil “Bola da Vez”
22 de novembro de 2008

Qual é seu jogo preferido? Existe algum jogo em que os dois times ganham? E jogos só para meninas ou meninos? Os jogos olímpicos são mesmo entre países? Na sala Céu, escrevemos a partir da palavra BOLA também as palavras BALA, BELA e BULA. A oficina começou com uma conversa e acabou com todos na quadra colocando em prática as regras do jogo de queimada. Descobrimos muitas formas de brincar e que o jogo é mesmo muito prazeroso, independente de quem ganha! (K.M.)

Passeio ao teatro TUCA “O mágico de nós”
08 de novembro de 2008

Oficina infantil “Dia das Crianças”
18 de outubro de 2008

(Foto 1)       
(Foto 2)        (Foto 3)
        (Foto 4)        (Foto 5)

Oficina infantil “Escovódromo”
11 de outubro de 2008

Passeio ao Sítio do Picapau Amarelo (Taubaté)
20 de setembro de 2008

Primeiro passeio fora da cidade de São Paulo, envolvendo 80 crianças e com duração de um dia inteiro! Belo desafio para os voluntários da LG que organizaram muito bem o programa. Foram feitas visitas aos 2 sítios em Taubaté. No sitio original, situado no centro da cidade, interagimos com os personagens e ouvimos do Visconde de Sabugosa uma explicação sobre Monteiro Lobato. No segundo sitio, uma réplica instalada em um hotel de lazer, andamos de Maria Fumaça e vimos um teatrinho bacana. Muita novidade no mesmo dia: “Por que pedágio?” “Por que o trem anda devagar?”. E para uma das crianças que incluiu um palavrão no meio de uma frase de admiração, disse o amiguinho de 9 anos: “Fulano, não fale assim, isso é falta de educação física!”. (M.M.)

(Foto 1)       
(Foto 2)        (Foto 3)
        (Foto 4)        (Foto 5)
(Foto 6)        (Foto 7)
       (Foto 8)         (Foto 9)
       (Foto 10)

Oficina infantil “Fundo do Mar”
13 de setembro de 2008

Diretamente do Fundo do Mar, a Casa da Amizade apresentou os ferozes e mais dóceis animais, como os tubarões e os golfinhos… Mas calma, nossas crianças não nadaram com eles, apenas soltaram a imaginação e a criatividade num texto simples mas muito interessante. Quanto à pergunta “Peixe-boi é um mamífero ou um peixe?”, vários voluntários tambem ficaram na dúvida junto com as crianças, mas acertou quem disse que é um mamífero, mesmo com o “peixe” no nome… (W.D.)

Curso de Preparação para o Trabalho
06 de setembro de 2008

Dúvidas para preparar um currículo? Como comportar-se em uma entrevista para emprego? O que é uma dinâmica de grupo? Conseguida uma vaga, como se apresentar no novo emprego? O curso de 7 horas tratou destas duvidas essenciais que angustiam as pessoas que estão em busca de emprego. Com exemplos práticos e simulações, a consultora em Recursos Humanos Sueli Leitão voluntariamente desenvolveu o tema junto com 6 participantes bastante interessados. Nossos agradecimentos à direção da EMEI Paraisópolis que gentilmente cedeu seu salão para a realização do curso em ambiente muito tranqüilo. O almoço no quiosque externo da escola foi um toque de descontração. Aparentemente os participantes aproveitaram bastante – programado bis para 2009! (M.A.F.M.)

(Foto 1)       
(Foto 2)        (Foto 3)

Festa de aniversário da Casa da Amizade
23 de agosto de 2008

Já quase uma adolescente, a Casa da Amizade comemorou seu 13o aniversário. Embora a garoa fina tenha frustrado o plano da celebração no Parque Burle Marx, a festa foi bem divertida lá mesmo no Grotão. Boliche, dança das cadeiras e outras brincadeiras foram conduzidas pelos voluntários na quadra e orquestradas pelo perna-de-pau, com as barraquinhas de cachorro-quente e pipoca muito requisitadas. Além de palhaço para divertir a criançada, teve o indefectivel bolo de D. Nelza, que desde a fundação da Casa da Amizade oferece seus dotes de boleira de mão cheia para adoçar a festa. Gostoso constatar que a Casa da Amizade já é praticamente “uma mocinha” atingindo maturidade… (M.M.)

Oficina infantil “Imigração Japonesa”
16 de agosto de 2008

Comemorando o fato de que há 100 anos havia começado a imigração japonesa para o Brasil, as crianças ouviram a história da princesa e do boiadeiro. Cada uma confeccionou um Tanzaku (papel com poema ou pedido) escrevendo uma mensagem para colocar na árvore e ser levada pelos pássaros até as estrelas. Teve todo tipo de pedido: saúde, felicidade e até namorado! A árvore foi toda enfeitada pelas crianças com lanternas, tiras coloridas e argolas. (M.M.)

Oficina infantil “Sítio do Picapau Amarelo”
09 de agosto de 2008

Emília, Cuca e Saci. Palavras do quotidiano dos telespectadores-mirins que assistem o Sítio do Picapau Amarelo. E bom pretexto para a parte pedagógica da oficina infantil liderada pelos voluntários da LG, em comemoração ao Dia do Folclore, 22 de agosto. Fez sucesso o teatrinho com a presença da boneca Lili, uma humana com ares de boneca recheada de macela, à semelhança da famosa Emília concebida por Monteiro Lobato. A fantasia sobre o Sítio foi criada nas crianças, que agora foram convidadas a visitar em setembro o verdadeiro Sítio do Picapau Amarelo e Museu, em Taubaté. (J.P.)

(Foto 1)       
(Foto 2)

Oficina infantil “Volta ao Mundo”
02 de agosto de 2008

A oficina aconteceu com a ajuda de muitos voluntários, incluindo um grupo de alunos de colégios espalhados pelo mundo (UWC), todos portando seus mapa-mundi e muito conhecimento geográfico. Foi feito um jogo da memória que relacionava mapas e assim o interesse das crianças maiores foi mantido até o final. Com as crianças menores a atividade de aquecimento foi a apresentação de objetos de outros países, retirados de uma caixa, um a um. Houve muita gritaria diante de objetos “muito perigosos” como um jacaré africano feito de madeira e também uma surpresa com a boneca russa que continha outra menor, outra menor, outra menor… “Quem acha que tem mais uma??”-“Eeeeeu!!!!!” E, para finalizar, todos se empenharam em desenhar os costumes ou objetos que representassem o Brasil. (K.M.)

Oficina infantil “Som”
19 de julho de 2008

A oficina começou com um bate-papo sobre música, para que serve e como pode ser representada na forma escrita. Depois até capoeira cantaram e dançaram! As crianças menores fizeram um tambor com um balde e uma bexiga. Na hora de tocar, o desafio era que tocassem todos juntos uma única vez – e assim se fez. A oficina foi ”do barulho” (!), mas também teve a hora de ouvir o silêncio… E de perceber quanto barulho ainda resta lá fora, mesmo quando todos na sala ficam quietos… (K.M.)

Oficina infantil “Chocolate”
12 de julho de 2008

Foi dia de conversar sobre uma das maiores delícias da vida – “Chocolate”!

Discutimos sobre a sua origem e exploramos o uso do ch e do x em palavras do cotidiano das crianças, com atividades lúdicas premiadas com bolinhas de chocolate. (A.C.G.F.)

Passeio ao planetário
05 de julho de 2008

Parque do Ibirapuera? Primeira vez para a maioria das 80 crianças que participaram do passeio organizado pela equipe da LG e acompanhado pelas professoras do reforço escolar. Mas quando o céu estrelado do planetário “rodou”, até mesmo os 20 voluntários ficaram na dúvida se era o chão girando ou algum mecanismo mirabolante ligado ao projetor enorme com aspecto de formiga no centro do espaço. Uma meteorologia generosa favoreceu o lanche ao ar livre após o espetáculo, em pleno mês de julho. (D.M.)

Reunião de Pais e Mestres do Reforço Escolar (1o semestre 2008)
28 de junho de 2008

Convidadas para avaliar o andamento do reforço escolar neste primeiro semestre, 25 mães e um pai participaram de uma reunião na Casa da Amizade junto com as professoras Ana Paula e Valderez, a coordenadora pedagógica Sol e a coordenadora geral Mônica. A interação foi muito produtiva; ficamos felizes com diversos depoimentos positivos dos pais sobre o desenvolvimento escolar da criança a partir da participação no reforço. Uma boa oportunidade para ouvir e ser ouvido. (M.M.)

Oficina infantil “CISV Indonesia”
27 de junho de 2008

Um grupo de 20 jovens, sendo 10 brasileiros anfitriões e 10 indonésios procedentes de Jacarta, visitaram a Casa da Amizade na tarde de 27 de junho de 2008. A comunicação foi excelente apesar da língua comum ser o inglês. Foram feitas atividades na Quadra da Amizade e, após várias brincadeiras, foi servido um delicioso lanche. O grupo se entrosou tão bem que várias das crianças do reforço escolar da Casa da Amizade acompanharam o grupo até o ônibus para uma despedida hospitaleira. Os adolescentes indonésios e brasileiros agradeceram a alegre recepção que tiveram. (E.M.)

Oficina infantil “Sistema Solar”
21 de junho de 2008

Oficina infantil “Festa Junina 2008”
14 de junho de 2008

Pois o arraiá dos pissuar da Amdocs tava danado di bão. As criançada iscreveru nas banderinha us nome desses trem di comer e a festança rolô sorta na quadra, cum quadrilha i chaper di paia. Prufessora di purtugues vai recramá mas é só uma veiz pur ano que nóis suletra assim atrapaiado…. (G.C.)

(Foto 1)       
(Foto 2)        (Foto 3)
        (Foto 4)        (Foto 5)

Oficina infantil “Escravos de Jó”
31 de maio de 2008

Nesta atividade discutiu-se a história dos escravos negros vindos da África – cerca de 9 milhões – trazidos por portugueses e ingleses para trabalhar de graça como mão-de-obra escrava nas fazendas de plantação de cana e café. Discutiu-se porque na África, observando o comportamento de animais (marradas, coices, saltos), estas tribos tinham criado uma luta de autodefesa envolvendo cabeçadas e pontapés – a capoeira, que se tornou a luta pela liberdade. Para finalizar a oficina os voluntários ensinaram às crianças como jogar Escravos de Jó com caixas de fósforo. (M.M.)

Passeio ao cinema
29 de maio de 2008

40 crianças das turmas da tarde do reforço escolar da Casa da Amizade foram ao cinema no Shopping Jardim Sul, acompanhadas pelo professor Ricardo (Esportes) e por 5 alunos da Graded School, liderados pela voluntária Therese. Uma quinta-feira diferente da rotina da meninada. (M.M.)

Oficina infantil “Mãos”
24 de maio de 2008

Teve o mindinho, o pai de todos e o fura-bolo, e, quem diria, até o seu-vizinho apareceu…

Foi nesse clima de “criança” que a oficina das Mãos aconteceu, como sempre com muito entusiasmo e festa por parte das 80 crianças e dos voluntários, até no manuseio das luvas cirúrgicas.

Para nossa maior surpresa, uma oficina simples que exigiu dedicação e criatividade, que acabam aparecendo naturalmente nesses momentos de alegria. (W.D.)

(Foto 1)       
(Foto 2)        (Foto 3)
        (Foto 4)

Oficina infantil “Salada de Frutas”
17 de maio de 2008

Uma salada de letras para formar nomes de frutas foi a atividade pedagógica desta oficina organizada pelos voluntários da LG.

Fazer coletivamente uma salada de frutas de verdade foi trabalhoso, mas nenhuma das 60 crianças presentes se fez de rogada para provar o produto final, considerado muito saboroso. (D.A.)

Espetáculo “Mães Mágicas”
10 de maio de 2008

Em comemoração ao dia das mães, a Casa da Amizade concentrou toda a atenção neste dia daquela que é a guerreira do lar.

Como o ofício de cozinhar é, quase sempre, de responsabilidade delas, as 70 mães começaram as atividades preparando um caderno de receitas. Uma sala com baby-sitters voluntários foi disponibilizada para que as mães pudessem se confraternizar num lanche exclusivo, porque ninguém é de ferro!

Para fechar o programa com chave-de-ouro. as mães do Grotão assistiram ao espetáculo “Mães Mágicas”, na Quadra da Amizade, com a presença dos mágicos profissionais Ricardo Malerbi e Mário, que se apresentaram uma platéia de cerca de 150 pessoas. Muito atentas a todos os números, as mães recitaram os “abracadabra pé-de-cabra” e, pelo jeito, se deliciaram com este show em que elas tinham lugar especial. Nada mais justo! (T.A.)

(Foto 1)       
(Foto 2)        (Foto 3)
        (Foto 4)

Vídeo Infantil
19 de abril de 2008

Para estrear o novo equipamento de TV/vídeo, foi promovida na Casa da Amizade uma mini-sessão de cinema para o público infantil.

Assistimos o clássico “Fantasia” de Walt Disney, um desenho animado que gira em torno do tema música. O filme existe há mais de 50 anos e seu ponto alto é, para muitos, uma divertida “Dança das Horas”, estrelada por hipopótamas e avestruzes vestidas de bailarinas clássicas.

O novo equipamento, montado em carrinho portátil, que nos foi gentilmente doado, passa a ficar disponível também para uso nas aulas de reforço escolar. (M.M.)

Passeio ao Circo Fiesta
12 de abril de 2008

100 crianças embarcaram em 2 ônibus patrocinados pela LG a caminho do Memorial da América Latina, onde o Circo Fiesta está temporariamente instalado.

As crianças não se conformavam com como a malabarista de apenas 10 anos conseguiu “voar” a 10m de altura, suspensa apenas pelo rabo-de-cavalo. Tampouco com a contorcionista que formava um círculo corporal para conseguir pegar uma flor com os dentes.

Intervalo com pipoca e finalização com palhaçadas completaram o clima de festa alegre, onde não faltou um roteiro de ônibus passando por diversos túneis e tornando o clima do evento uma bela farra. (M.M.)

Oficina infantil “Circo”
05 de abril de 2008

Despertados pelo interesse no passeio da semana seguinte, a oficina Circo foi uma oportunidade para as 90 crianças participantes mostrarem seu conhecimento próprio com relação ao que há ou não em um circo e, ao mesmo tempo, praticar a escrita desses elementos.

Os maiores fizeram um caça-palavras com o texto da tradicional música “O Circo” (“Vai,vai, vai, começar a brincadeira, tem charanga tocando a noite inteira…”), embora um pouco intrigados com o significado “desta tal de charanga”. Nossos pequenos ficaram muito felizes pela oportunidade de demonstrarem o quanto sabem aos colegas e monitores e de pintar o rosto com tinta e nariz de palhaço. (A.N.F.)

Oficina infantil “Coelho”
15 de março de 2008

Dominó humano? Nunca ouvi falar… Mas a brincadeira rolou muito bem com os cartões de diferentes figuras de coelho cortados ao meio e distribuídos aleatoriamente, obrigando cada criança a buscar seu par de forma a completar a figura. Uma atividade ruidosa mas bem divertida…

A cestinha montada com PET reciclado foi preparada por cada participante para acomodar o ovo de Páscoa recebido, mas diversas crianças de natureza mais “chocólatra” se encarregaram de consumir o ovo ali mesmo depois de completar a atividade pedagógica. (D.A.)

Oficina infantil “Tangran”
01 de março de 2008

Um grupo de 88 crianças ouviu a lenda do velho chinês que caminhava com um azulejo na mão, tropeçou e caiu, produzindo 7 pedaços, gerando assim o primeiro quebra-cabeças da história da humanidade. Bom pretexto para o trabalho pedagógico de compreensão de texto e atividade a respeito das formas geométricas.

Munidos de régua, os maiores mediram os lados do quadrado e dos triângulos e compararam dimensões. O desafio de montar o tangram não foi trivial, mas quem sabe alguém conseguiu concluir em casa, com paciência chinesa… (C.F.M.A.)

Apresentação do Grupo Okambi de Capoeira
23 de fevereiro de 2008

Para estrear a Quadra da Amizade, a comunidade teve o prazer de presenciar uma apresentação do Grupo Okambi de Capoeira, sob coordenação de Zé Grandão.

Gelson, freqüentador de longa data da Casa da Amizade, com seu porte de Bob Marley e longa cabeleira, liderou o aquecimento. Nosso garoto Lucas deu show de destreza nas manobras ágeis, executadas ao som de berimbaus.

Um prazer ver a quadra ocupada com tanta animação! (M.M.)

(Foto 1)

Passeio ao Memorial da América Latina
16 de fevereiro de 2008

Dois ônibus levaram 86 crianças e 14 monitores até a Barra Funda para um passeio ao Memorial da América Latina, organizado pelos voluntários da LG.

Uma guia local promoveu uma mini-dramatização encenada pelas crianças escolhendo um dos temas dos painéis de Caribé e Poti no Salão de Atos.

Uma das monitoras explicou às crianças que o imponente conjunto de prédios tinha sido projetado pelo arquiteto Oscar Niemeyer: “Vocês sabem que o homem que inventou esses prédios é aquele senhor de 100 anos que apareceu recentemente na TV e ainda continua trabalhando?”. A singela resposta de um menino de 10 anos foi contundente: “Mas tia, com essa idade ele não deve agüentar carregar nem um bloco!”.

As crianças acharam divertido transpor a passarela sobre a avenida, bem ao estilo de Brasília, mas o ponto alto foi engatinhar sobre o piso de acrílico que se sobrepõe à maquete da América Latina no Pavilhão da Criatividade… (M.M.)

Distribuição de material escolar
09 de fevereiro de 2008

Pelo sexto ano consecutivo a Amdocs juntou forças com a Casa da Amizade para mobilizar fundos e distribuir 600 kits de material escolar (pasta, cadernos, estojo, lápis de cor, tesoura, etc) para crianças de 6 a 11 anos moradoras da comunidade.

O mutirão da véspera envolveu 16 voluntários em uma verdadeira linha de montagem. E nem o caminhão atolado, bloqueando a rua, impediu que o material fosse carregado até a Casa e rapidamente distribuído com base no cadastro do Natal de 2007.

Uma boa forma de estabelecer um clima favorável para o início do ano escolar. (K.L.)

Rematrícula e novas inscrições para Reforço Escolar
25 de janeiro de 2008

Aproveitando o clima de feriado, a coordenadora pedagógica Sol liderou a manhã de rematrícula dos alunos antigos.

Com a abertura de uma turma adicional no período da manhã, ficou viabilizada a abertura de novas inscrições. Uma ficha de dados de cada criança foi preenchida pelas professoras Luana e Ana Paula, apoiadas pelas voluntárias Therese, Luana e Monica.

As preferências esportivas das crianças foram registradas visando a montagem de atividades esportivas programadas para ter inicio após a conclusão da Quadra da Amizade. (M.M.)

Oficina Infantil “Que Horas São?”
19 de janeiro de 2008

Certamente não foi perda de tempo conversar com cerca de 60 crianças sobre o que é um relógio, como se vê horas e minutos, e até as diferenças entre relógios de parede e relógios digitais…

Os participantes da faixa de 9 a 12 anos montaram uma pequena agenda diária escrevendo suas rotinas das manhãs e tardes; fizeram também alguns exercícios de aritmética sobre o número de minutos em uma hora, o número de horas na semana, etc… Um jogo de dados sobre as rotinas diárias encerrou a sessão.

As crianças menores se divertiram com a cantoria “Quando o relógio bate a uma, todas as caveiras saem da tumba…” e depois confeccionaram um relógio usando etiquetas coloridas.

Enfim, foi uma oficina agradável promovida pelos voluntários LG, em que poucos se lembraram de perguntar: “Tia, que horas são?” (M.M.)

Oficina infantil “Bolo de Ano-Novo”
05 de janeiro de 2008

O Ano-Novo é uma espécie de “aniversário”: nosso tempo completou 2008 anos. Portanto, nada mais justo que comemorar com um bolo…

A atividade pedagógica para cerca de 60 crianças envolveu definir a receita de um bolo, identificando seus ingredientes e a forma como são comprados (por quilo, por litro, por dúzia, etc). Aproveitou-se também para trabalhar com as crianças maiores alguns conceitos matemáticos sobre unidades, dezenas e centenas; a maioria das crianças conseguiu resolver o desafio de fazer caber em cima do bolo o número de velas necessárias para o “aniversário” do ano-novo (2008!) estabelecendo uma equivalência de palitos de fósforo (centenas) e alfinetes (unidades).

Com inspiração em um casamento inglês recente, o bolo fofinho preparado por D. Nelza foi decorado pelos participantes com muita pasta americana e confeitos coloridos. Ainda que bastante apetitoso, quase todos preferiram segurar a gula e levar para casa a “obra-prima”. (M.M.)

Deixe um comentário